08/01/2014

Após vazamento de fotos de criança nua, jovem faz topless em protesto na web

A estudante de Direito Karine Rodrigues de 21 anos causou polêmica ao publicar uma foto onde aparece fazendo topless em sua rede social. A postagem, feita por volta das 14h desta quarta-feira (8) já teve mais de 14 compartilhamentos, 240 curtições e mais de 110 comentários em menos de uma hora. A jovem afirmou em entrevista ao Cidadeverde.com que a imagem é um protesto contra o compartilhamento de fotos nuas de uma criança de 12 anos no município de Altos, a 37 km de Teresina. As fotos espalhadas pelo aplicativo WhattsApp expõem a criança em posições sensuais e viraram assunto no município.

Foto: Reprodução / Facebook

"Eu percebi que as pessoas começaram a entrar em um estado eufórico e acusar a menina de ser tapada, quando o foco acabou se perdendo. Isso é machismo por parte das pessoas que compartilham essas fotos, denegrindo a imagem da menina. A cidade é pequena e eu considero isso que estão fazendo como terrorismo", desabafou a estudante.

De acordo com o delegado regional de Altos, Cadena Júnior, a mãe da criança registrou boletim de ocorrência na delegacia de Polícia Civil do município denunciando o caso. "A mãe nos procurou e denunciou que a criança teve um relacionamento com um rapaz quando enviou essas fotos para ele. Inconformado com o término do namoro ele divulgou essas fotos através desse aplicativo e isso tomou uma repercussão enorme. Faremos o procedimento contra o menor e vamos encaminhar para a promotoria", informou o delegado. 

Delegado Cadena Júnior

Segundo Cadena Júnior, o jovem já é conhecido da Polícia e está envolvido em vários outros casos no município. "Já foram feitos dois boletins contra esse rapaz e um contra a mãe dele que deu uma moto pra ele circular. Hoje ela responde pelo crime de entrega de veículo automotor a pessoa não habilitada. Ele é um jovem sem recuperação", acrescentou o delegado.

A estudante Karine Rodrigues, afirmou que tentou contato com a jovem para falar sobre a denúncia, mas não obteve retorno. A jovem que faz parte da ANEL (Assembleia Nacional de Estudantes), desabafou em sua postagem e reforça que a polêmica envolvendo as fotos é fruto de uma "sociedade machista". Leia o desabafo na íntegra:

"Tirei uma foto mostrando os peitos.
Nossa provoquei mais um machista, hummmm...mas que DELICIA.
Agora me chamem de PUTA, chamem de coisa pior, melhor acendam as fogueiras e voltem a idade das trevas.

Chega de machismo, o que estão fazendo com as meninas dessa cidade que tiveram suas intimidades ceifadas é um absurdo, olhem para si, ou continuem batendo suas punhetas.

Tudo isso é fruto de uma sociedade machista. O homem tem que mostrar que é melhor, que é o fodão, nossa!

Mulher não é só peito e bunda, essa foto não me faz menos mulher. E não muda em nada o que ja fiz pra fazer um mundo melhor. Talvez por isso eu incomodo tanto.
Sempre estarei a um passo a frente. Não fiquem supresos.
Em nome da liberdade 
Sou VADIA
SOU MULHER E SOU LIVRE."

Não compartilhe

O delegado Cadena Júnior reforçou o alerta de que qualquer pessoa flagrada com as fotos em seu celular será presa em flagrante por portar material pornográfico infantil. "Muitas pessoas já vieram me alertar sobre as fotos e qualquer um que seja flagrado com elas será preso em flagrante", concluiu o delegado.

Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...